Quem sou eu

Minha foto
São Paulo, Brazil
Web Designer/Youtuber/Blogueiro/Historiador/Pós-Graduando - UNIFESP

domingo, 27 de novembro de 2011

CUIDADOS BÁSICOS COM SEUS DVD


Cuidados com seu DVD


1) Para retirar o DVD do estojo pressione o dedo indicador na parte central para liberá-lo das presilhas e após este procedimento segure-o pelas bordas ou pelo furo central.


2) Ao escrever sobre o disco use somente caneta ponta porosa.


3) O prazo de validade é indeterminado, mas conserve-o livre de poeira e em lugar arejado entre temperatura de 0º a 30º C.


4) Muitos aparelhos fabricados com a data anterior a Fevereiro de 2003 não reconhecem as gravações de DVDs feitas de forma não industrial, como é o caso do trabalho que realizamos. Por isso é importante verificar a compatibilidade entre o seu equipamento e as mídias gravadas não industrialmente (DVD-R ou DVD-RW).


5) Para maior segurança consulte o site DVD Player Compatibility List que contém a relação de paraticamente todos os aparelhos de DVD vendidos no mundo com a sua compatibilidade com as midias não industriais.Para tanto acesse o seguinte endereço na Internet:


http://www.videohelp.com/dvdplayers.php?DVDname=Panasonic+Dvd-s35pl-s&Submit=Search&Search=Search


FONTE - LOJA DO PROFISSIONAL

CUIDADOS COM SEU VIDEO CASSETE




Cuidados com o Vídeo Cassete

  • Evite contato com poeira, umidade, maresia, calor excessivo, ação direta do sol, uso de temperatura superior a 30ºC.
  • Evite ligar em tomadas de energia mal instalada, extensões elétricas inadequadas ou danificadas, fios, tês, benjamins mal conectados, oxidados ou danificados.
  • Energize (ligue) os aparelhos de vídeo cassete pelo menos 05 minutos antes da utilização, para aquecimento do mesmo.
  • Evite aproximar o vídeo cassete de campos magnéticos fortes (redes de alta tensão, imãs, caixas de som e alto-falantes), sobretudo quando em uso.
  • A limpeza externa deve ser feita a seco, com compressor de ar, aspirador de pó, flanela ou pano limpo e seco.
  • Nada de solvente ou qualquer líquido. Evite quedas, choques, trancos, baques, enfim, qualquer movimento brusco.
  • Mantenha os equipamentos na posição adequada ao seu desenho, formato ou construção.
  • Transporte os equipamentos somente em veículo seguro, em lugar fixo, devidamente embalados, livres de qualquer sujeira, nunca disputando lugar com passageiros ou outros objetos danosos à sua conservação e segurança das pessoas. Se, por acidente, cair líquido ou sujeira pulverizada no interior do vídeo cassete, não opere, nem tente abrir o aparelho. Encaminhe-o a um técnico.
  • Opere o aparelho dentro dos padrões de alimentação indicados (tensão, corrente,...).
  • A cada 200 horas de uso, o aparelho deve ser levado para limpeza e manutenção técnica e, a cada 1000 horas, para substituição de cabeçote.
  • Leia e siga à risca as instruções constantes no manual do fabricante.
  • Os equipamentos devem permanecer protegidos (cobertos, tapados) com capa apropriada, quando não estiverem em uso.
  • Após desligar os aparelhos, aguardar o seu resfriamento antes de cobrir, tapar ou proteger, evitando, com isto, o abafamento e a condensação.
  • introduza a fita no vídeo cassete quando este estiver desenergizado.
  • Ao operar, não deixe o equipamento em "pause" por mais de 01 minuto para evitar perda de óxido da fita e sujeira das cabeças de reprodução e gravação.
  • Nunca acione um comando sem que o aparelho cumpra (responda) um comando anterior.
  • Antes de introduzir a fita no aparelho, verifique se este está energizado.
  • Para retirar a fita, acione o dispositivo "eject", deixe-a ejetar livremente, sem forçar, e somente retire quando este comando cessar.
  • Evite que pessoas, sem informações adequadas, tenham acesso ao aparelho já energizado ou em operação.
  • O vídeo cassete contém um dispositivo chamado "tracking" que, quando desregulado, causa um ruído de imagem que compromete a projeção. Portanto, o "tracking" deve estar sempre regulado, na posição correta, conforme cada modelo. O "tracking" (trilhamento) ajusta as cabeças de vídeo para reproduzirem fitas gravadas em outros vídeos, eliminando barras e chuviscos na imagem.
  • Evite retroceder ou avançar a fita com a imagem na TV por muito tempo, pois este procedimento provoca desgaste do cabeçote.
Extraído do Encontro de Supervisores de EAD / SEC- 1997


FONTE: http://br.geocities.com/ntecaxiasdosul/cuidadosfitasdevideo.htm

Como limpar seu vídeo cassete por dentro


Manter a limpeza do seu vídeo-cassete é muito importante para fazê-lo funcionar mais tempo. Como um meio de gravação, a fita cassete VHS tem estado em declínio por anos ... em breve fitas novas e máquinas para reproduzi-las não estarão mais disponíveis, e se estiverem, será através de vendedores especializados on-line. Devido a isto, é importante saber agora qual a melhor maneira de se cuidar de um vídeo cassete para que ele funcione por mais tempo.
Para se limpar completamente seu vídeo cassete, você precisará remover poeira e limpar as cabeças (que são as partes que lêem a fita magnética dentro da fita VHS.) Para fazer uma limpeza completa, faça o seguinte:
  • Antes de começar a limpar o interior do vídeo cassete, leve um tempo limpando o exterior. Use spray  para eletroeletrônicos, um espanador ou panos secos usados para remover a poeira da superfície e de qualquer lugar que possa estar visível nas grelhas de escape ou outras aberturas.
  • Usando uma lata de ar comprimido (muitas vezes chamado de "ar espanador" ou "ar enlatado"), comece a espanar a poeira do interior da porta para o cassete. Segure a porta aberta (como se estivesse colocando uma fita VHS), e espirre o spray de ar comprimido para dentro em várias rajadas curtas. Isso ajudará a soltar qualquer poeira, e deixar o vídeo cassete limpo.
  • Depois de espirrar várias rajadas de ar em seu vídeo cassete, espirre uma mais longa para remover qualquer poeira restante. Este jato deve ser passado rapidamente de lado a lado várias vezes, e deve durar de 3 a 5 segundos.
  • Quando você tiver acabado de usar o ar comprimido, você deve utilizar um limpador de cabeça para acabar a limpeza. Estes limpadores de cabeça tem a forma de uma fita VHS normal, mas em vez de ter uma fita magnética no interior eles têm uma fita limpeza e um reservatório com uma solução para limpeza que elimina a sujeira das cabeças do vídeo cassete. Coloque algumas gotas da solução para limpeza no reservatório (conforme indicado pelas instruções da embalagem) e depois insira o limpador no vídeo cassete. Deixe tocar como se fosse uma fita VHS normal por cerca de 60 segundos (ou, como indicado nas instruções).
  • Ejete o limpador quando tiver terminado. Seu vídeo cassete estará então bem limpo por dentro e você provavelmente vai perceber uma melhora significativa na qualidade da imagem e de áudio. Uma limpeza periódica (recomendada após 20-30 horas de uso) pode ajudar a aumentar os anos de vida do vídeo cassete e das fitas VHS que você possuir.




Ao se limpar seu vídeo cassete e mantê-lo em boas condições de trabalho, você poderá apreciar seus filmes favorito, seus vídeos domésticos e tudo mais em sua coleção de VHS pelos próximos anos.

 FONTE  http://www.comofazertudo.com.br/


Cuidados Basicos com seus VHS.

Cuide Bem do seu acervo.Se você for assistir uma fita de vídeo gravada em VHS e começar a ver distorções e chuviscos na imagem, não culpe o seu aparelho videocassete e muito menos quem produziu a sua fita. Se a produção já é antiga, o problema certamente está na própria fita.


Quando mal conservadas, as fitas de vídeo reproduzem imagens sem definição e com "ruídos", porque, com o tempo, as partículas de óxidos de ferro e cromo que recobrem a película de plástico da fita, constituindo a sua "banda de gravação", vão se desprendendo e a imagem e o som vão se deteriorando. A vida útil de uma fita de vídeo VHS é de aproximadamente 50 reproduções. A idade da fita (desde sua fabricação e desde sua gravação) também podem produzir os mesmos efeitos. Nestas condições, elas começam a apresentar "dropouts" (que aparecem na tela como riscos pretos e brancos) e distorções.


Para prolongar a vida de sua fita e evitar estes problemas, tome os seguintes cuidados:
  • Evite tocar com os dedos na fita magnética, pois a gordura e a sujeira podem danificá-la;


  • Só guarde suas fitas rebobinadas (Isto não é uma dica para deixar a fita sempre pronta para a sua utilização - é uma recomendação técnica. Se os dois carretéis estiverem com fita, existe a possibilidade de formação de dois campos magnéticos, os quais, agindo um sobre o outro, podem apagar os conteúdos gravados.);


  • Nunca guarde as fitas próximas de campos magnéticos como as caixas acústicas, transformadores, aparelhos de TV e até o próprio videocassete. (deixar a fita dentro do videocassete, nem pensar!);


  • Não deixe suas fitas longos tempos sem tocar - é importante pô-las a rodar de vez em quando;


  • Guarde suas fitas dentro dos estojos, na posição vertical, em estantes ou em locais secos e ventilados (nunca dentro de gavetas ou de armários fechados, onde a umidade pode dar origem a fungos e bolores, comumente conhecidos como mofo; em casos extremos, guarde as fitas em sacos de plástico juntamente com um pouco de sílica ou sílica gel; se sua fita for atacada pelo mofo, procure um profissional para limpá-la e, imediatamente depois desta operação, fazer uma nova cópia, pois, com o tempo, os fungos reaparecerão);


  • Não deixe suas fitas expostas ao sol ou em locais muito quentes, como dentro de veículos estacionados ao sol - o calor excessivo pode danificá-las (o ideal é armazená-las em ambientes com temperatura entre 22 e 24o graus centígrados - em casos extremos, um recurso útil é guardá-las em caixas de isopor).


  • Seja prudente. Sempre que possível, faça cópias extras de suas fitas ou as substitua por mídias mais estáveis. Guardar a fita master (digital) que deu origem à sua fita VHS é uma providência semelhante à de guardar os negativos das suas fotos. Os discos DVD são as mídias mais estáveis de que se dispõe - sua durabilidade é considerada como infindável, graças à sua tecnologia de leitura da gravação sem qualquer contato da leitora ótica com o núcleo de gravação